To access all features and enjoy the full functionality of this site, please ensure your browser is up-to-date. For IE8 users, the most recent version is IE11.

Superfície Ocular

Entendendo a integração da lágrima

Publicado em 21 Maio, 2018
8 Minutos para Ler
Entendendo a integração da lágrima

O filme lacrimal possui propriedades antimicrobianas e outras propriedades benéficas, sendo essencial para proteger nossas lágrimas e nossos olhos. É importante que, ao interagirem com os materiais da lente, os componentes lacrimais mantenham sua função benéfica o máximo possível. Contudo, se os componentes da lágrima mudarem do seu estado natural, seja por oxidação ou desnaturação, depósitos podem ficar visíveis na lente.

Uma vez depositados nas lentes, esses componentes podem mudar a função de proteção para irritação, causando:

  • menor acuidade visual; e
  • desconforto geral

Componentes do filme lacrimal

O filme lacrimal é composto por proteínas e lipídios:

Proteínas
A lisozima é uma proteína importante que se integra com os materiais da lente durante sua utilização. Em caso de desnaturação, pode formar depósitos nas lentes de contato.

Lipídios

  • Em caso de desnaturação, demonstrou-se que há a liberação de biomarcadores inflamatórios, resultando em irritação.
  • Quando depositados nas lentes de contato, os lipídios mudam de função por oxidação e degeneração, o que pode afetar o conforto e a visão com o tempo. Em alguns materiais, os lipídios mantêm sua função natural benéfica, podendo de fato melhorar o conforto do usuário.

Gerenciando Depósitos 

Se o conforto da lente de contato de seus pacientes estiver sendo afetado por depósitos, há algumas práticas que você pode levar em consideração para melhorar a experiência de tais pacientes:

  • Mudança de material
    • Materiais diferentes de lente reagem de forma diferente à estrutura protéica e lipídica de um indivíduo, valendo a pena tentar um material de lente alternativo conhecido por interagir favoravelmente com lipídios e proteínas das lágrimas.
  • Adote a prática de esfregar e enxaguar nos cuidados com lentes de contato reutilizáveis
    • Uma limpeza melhor e mais frequente pode ajudar a manter as lentes livres de depósitos que causam irritação.

  • Aumente a frequência de substituição das lentes
    • Lentes novas podem fazer toda a diferença. Se seus pacientes estiverem utilizando reutilizáveis, talvez você queira oferecer uma lente diária ou de duas semanas gratuitamente para eles experimentarem.

Referência

Sulley A. Getting comfortable with deposits. Optician 2015; 250: 6522 20-22